Fumaça de incenso pode ser mais tóxico do que a fumaça de cigarro

© Fornecido por Notícias ao Minuto

Depois de vários estudos já terem indicado que a fumaça da queima do incenso pode ser cancerígeno, uma nova investigação indica que o incenso pode ainda ser mais perigoso para a saúde do que os cigarros.

O estudo da Universidade de Tecnologia do Sul da China comparou os riscos para a saúde do uso de incenso em ambientes fechados com os efeitos do cigarro no organismo, testando o efeito de ambas em amostras da bactéria Salmonela e células do ovário de hamsters.

A conclusão, publicada na Environmental Chemistry Letters e consultada pelo jornal Metro, indica que as propriedades químicas do fumo de incenso são mais citotóxicas, ou seja, causam maiores danos às células, e podem causar mutações genéticas no DNA e originar tumores.

Para o responsável pelo estudo, Rong Zhou, só ainda não é possível concluir com toda a certeza que a fumaça de incenso é mais tóxico do que o do cigarro porque a amostra avaliada é muito pequena, se comparada com a imensa variedade de produtos disponíveis no mercado.



Multimidia Info

"O Conhecimento é fascinante"